Notícias

Cerro empata em casa e se garante nas quartas da Série Bronze

14 de Outubro de 2018 - Série Bronze
Gustavo marcou dois para o Cerro Largo contra a Serade. Foto: Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

Gustavo marcou dois para o Cerro Largo contra a Serade. Foto: Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

Pela segunda vez consecutiva em três anos de disputa do Estadual Série Bronze, o Cerro Largo Futsal/Lojas Becker está nas quartas de final da competição. A confirmação da vaga ocorreu na noite de sábado, quando o Leão Missioneiro recebeu a Serade de São Borja e empatou em 3×3.

Com uma rodada de antecedência, está tudo definido na Chave 7. Guarani de Frederico Westphalen (11 pontos) e Cerro Largo (9) passam para as eliminatórias, enquanto Serade (3) e Gaúcho (2) param por aqui. No próximo sábado, dia 20, os dois líderes se enfrentam em Frederico e os dois últimos jogam em São Borja.

O jogo

Como a Serade ainda estava viva na competição, o jogo valia muito para ambos os times. O Cerro Largo começou bem: Karlinski achou Diógenes em condições de marcar e o goleiro Iago fez a intervenção para manter o zero no marcador. O time da casa foi tentando buscar o seu gol, mas os minutos foram passando e a única coisa que se mexia no placar era o tempo e também as faltas, que se acumulavam para ambos os lados.

Na insistência, o Cerro Largo conseguiu abrir o placar do jogo, com gol de Gustavo. Karlinski chutou e Gustavo desviou a bola. Os donos da casa conseguiram segurar o número de faltas, mas, nos minutos finais do primeiro tempo, a situação ficou ainda mais favorável para o time missioneiro.

Restando cerca de 3min, o goleiro Danilo arriscou o chute e quase fez o seu. Na sequência, Gustavo marcou mais um. De letra, o camisa 6 desviou o passe de Seco, anotando um belo gol. Antes do fim da primeira etapa o goleiro Iago foi expulso, o que deixou a Serade com um a menos. Com a vantagem, Rafa fez 3×0, encaminhando um grande resultado.

Após o intervalo, a Serade mostrou que estava disposta ao tudo ou nada. Com goleiro linha, o time de São Borja iniciou o segundo tempo pressionando. Revezando entre as oportunidades criadas com essa estratégia e o risco de levar o gol, os visitantes conseguiram descontar com Rodrigo, duas vezes.

O jogo que poderia ser tranquilo, com os dois gols do adversário ficou dramático. O Cerro foi levando o resultado positivo até o último minuto, mas quando restavam 22 segundos, em mais uma jogada de goleiro linha, Carioca deixou tudo igual. Apesar da grande reação da Serade, o jogo acabou em 3×3 e a vaga ficou com o Cerro.

Assessoria Cerro Largo Futsal/Lojas Becker

Mais Notícias

    Aguarde, buscando...