Notícias

Liga 3 tem previsão de início e Gramado Futsal confirma participação

02 de Julho de 2020 - Liga Gaúcha 3 - Presidente Muriel Vettorazzi mencionou que regra da competição pode ser modificada
 FOTO GRAMADO FUTSAL Muriel Vettorazzi confirmou participação do Gramado Futsal na Liga 3 CRÉDITO - Tiago Manique/JIH

FOTO GRAMADO FUTSAL Muriel Vettorazzi confirmou participação do Gramado Futsal na Liga 3 CRÉDITO - Tiago Manique/JIH

– Saudades de ver a bola rolar, do contato diário com os treinamentos e claro das competições. Todos que estão envolvidos direta ou indiretamente com o esporte estão sedentos para que aos poucos a situação se normalize.

No momento, em virtude da pandemia do coronavírus, a bola não está rolando em grande parte do planeta. Aqui não é diferente, mas algumas sinalizações começam a ser debatidas, entre elas o início da Liga Gaúcha 3.
Durante o programa Redação Esportes na Rádio Integração Digital, o presidente do Gramado Futsal Muriel Vettorazzi falou deste momento vivenciado pelo clube e do planejamento para a temporada e ainda citou do encontro por videoconferência entre a Liga Gaúcha de Futsal (LGF) e equipes.

A Liga Gaúcha 3 estava programada para iniciar no dia 23 de maio, sendo adiada, mas durante reunião entre a diretoria da LGF e clubes, foi sinalizado para início da competição no mês de setembro.

“Tivemos o encontro há duas semanas, todos se posicionaram e deram sua contribuição, sabemos das dificuldades esportivas e econômicas e claro com prioridade com a saúde. Então ficou acordado para começar o campeonato, mas depende é claro dos decretos municipais e do Estado para poder organizar”, contou.

No entanto, os clubes se mobilizam para que dê início ao campeonato somente com a presença do torcedor, visto que a grande maioria depende dos recursos oriundos da bilheteria para manter seus pagamentos em dia. “Não é viável sem torcida, caso não possa ocorrer, dificilmente teremos campeonato, pois é dinheiro que entra para o clube, mas tudo está sendo debatido”, relatou.

Em um primeiro momento, a Liga 3 tem o formato de grupos regionalizados jogos de ida e volta e conforme o número de equipes garantem vaga para a próxima fase. Mas o regulamento pode sofrer alterações. 

Com o agravamento financeiro dos clubes, com muitos apoiadores não viabilizando o suporte financeiro, para amenizar os custos foi colocado como uma das propostas que toda competição seja mantida a regionalização, mas no sistema de ‘mata-mata’, como é a Copa do Brasil, com a realização de dois jogos, o vencedor segue na competição até chegar à decisão.

“Alguns apoiadores se retiraram, foi conversado e sugerido mata-mata regionalizado, entre outros modelos, mas dependemos muito da confirmação de equipes, quem vai participar”, pontuou.

Enquanto muitos clubes acenam com desistência de participar da Liga 3, mesmo em fase de reestruturação, o Gramado Futsal confirmou que irá jogar a competição e o elenco será todo formado somente com atletas da região.

“Nós não iríamos participar e depois de uma conversa com o Jacó Schaumloeffel [secretário Municipal de Esporte e Lazer] vamos atuar, mas com as condições de somente pessoal [atletas] da casa”, relatou. 

O Gramado Futsal era um dos poucos que antes da paralisação das atividades não havia ainda iniciado a temporada, somente um período de testes para atletas serem avaliados para compor o elenco principal neste ano.

“Teve vários atletas novos com qualidade, Claudinho Casagrande [diretor de Futsal] e o Rodrigo Saldanha [treinador] estavam avaliando, como começamos mais tarde a temporada, não ocorreu com nós de ter contratado jogadores, então não tivemos problemas neste momento de fazer rescisões de contratos”, finalizou.

A entrevista

A entrevista pode ser conferida no Facebook Jornal Integração Hortênsias, na barra vídeos – Redação Esportes ou acessando o site www.leiafacil.com/podcasts clicando no link Redação Esportes 12/05.

Por Tiago Manique
esporte@integracao.jor.br

 

Mais Notícias

    Aguarde, buscando...