Notícias

Na superação, AGE vence o Lagoa Futsal e silencia o ginásio Adolfo Stella

09 de Novembro de 2018 - Série Prata
Foto: Lagoa Futsal

Foto: Lagoa Futsal

Muita transpiração. Dedicação. Foco. Emoção. Choros e risos. Estes são alguns dos elementos da heroica classificação da Agremiação Guaporense de Esportes (AGE) para as semifinais do Campeonato Estadual Série Prata – Edição 2018.

A equipe, comandada pelo técnico Flávio Barcellos, venceu pelo placar mínimo, no tempo extra (prorrogação), o Lagoa Futsal, no sábado, dia 3 de novembro, no ginásio Adolfo Stella, em Lagoa Vermelha. No tempo normal, empate em 3x3 com gols de Gregory (2) e Purão. No caldeirão, completamente lotado, a AGE superou o trauma da derrota na fase classificatória por 9x1 e silenciou os mais de mil torcedores presentes e uma cidade apaixonada pelo futsal.

Tempo normal

Com empate na primeira partida (1x1), AGE e Lagoa Futsal necessitavam da vitória, por qualquer resultado, para seguir adiante na Série Prata. Empurrado pelos torcedores, os donos da casa partiram para o ataque e obrigaram o goleiro Queixo, em mais uma noite inspirada, a praticar belas e importantes defesas. Em lances esporádicos, em especial de contra-ataques, Kaju, Gregory, Ticz e Purão assustaram a meta do arqueiro Maurício. Pressionada, a AGE viu o pivô Jair Júnior balançar as redes em duas oportunidades, em questão de segundos.

O placar poderia ter sido ampliado com Alexandre, Gabriel e Jabuti, mas o dia era de Queixo e da entrega em quadra dos guerreiros da AGE. Chiquinho, Kliver, Piva e Pedrinho entraram e ajudaram, porém, não conseguiram furar o bloqueio do Lagoa Futsal. Com aplicação tática, os jogadores foram construindo, aos poucos, o caminho para o empate. Mesmo com a etapa inicial terminando com a vantagem para o adversário, os guaporenses retornaram com espírito de vitória. Porém, logo sofreram mais um baque. Alexandre anotou o terceiro e a classificação estava próxima.

Sem se abater, mesmo com o semblante demonstrando o contrário, a AGE, liderada pelo capitão Purão e pelo goleador Gregory, deu início à recuperação. Em cobrança de escanteio, o artilheiro da Prata balançou o “barbante” e deu esperanças. Não demorou e Purão, após passe de Gregory, anotou um golaço de cobertura. Acuada em sua quadra, a equipe da casa viu a AGE empatar novamente com Gregory. O camisa 10 ainda teve chances de “matar” o confronto, sem a necessidade da prorrogação, quando faltavam menos de dois minutos. Maurício praticou duas defesas milagrosas.

Prorrogação

Com o empate em 3x3 no tempo normal, AGE e Lagoa Futsal teriam mais 10 minutos para decidir quem teriasequência na competição. Pela campanha, o empate favorecia o time da casa. Nenhuma equipe arriscou no primeiro tempo da prorrogação. Nos cinco minutos finais, necessitado obrigatoriamente do resultado positivo, os guaporenses, com a utilização do goleiro linha – com Queixo revezando na função com Kaju, partiram para o “tudo ou nada”. O duelo ficou mais franco e algumas chances foram desperdiçadas nos dois lados.

Mais uma vez os goleiros fizeram a diferença. Quando o torcedor, que estava apreensivo nas arquibancadas, imaginava que a classificação estava nas mãos, Gregory recebeu passe de Ticz e bateu firme para silenciar o ginásio Adolfo Stella. O gol, quando faltavam 32 segundos para o fim, foi comemorado como nunca pelos jogadores, comissão técnica, diretoria e poucos, mas vibrantes ageanos presentes em Lagoa Vermelha. Nos segundos finais, apesar da pressão, a turma conseguiu segurar o escore. O goleiro Jean, que havia entrado no lugar de Queixo, por detalhes não anotou o segundo gol.

“Nota 10 para a equipe. Tivemos frieza para superar as dificuldades e o resultado adverso de 3x0. Todos estão de parabéns. Agora o foco é no Passo Fundo Futsal”, disse Barcellos.

Semifinal

O adversário na semifinal da Série Prata será o temido Passo Fundo Futsal. Dono da melhor campanha da competição, até o momento, a equipe comandada pelo técnico Alexandre Boeira, conquistou 49 pontos em 24 partidas disputadas, ou seja, 68,06% de aproveitamento, e terá a vantagem de decidir o acesso a Liga Gaúcha de Futsal (Série Ouro) no ginásio Capingui. A AGE, por sua vez, chega a semifinal com a quarta melhor campanha entre os classificados. Com 36 pontos, 50% de aproveitamento, o selecionado está há 80 minutos da decisão e do retorno a elite do salonismo gaúcho. A última participação da AGE na Série Ouro aconteceu em 2000. Para que isso ocorra, terá que vencer o Passo Fundo Futsal. No ano, o retrospecto não é favorável. Em dois jogos, duas derrotas. Porém, tabus foram feitos para serem quebrados e é com esse espírito, muito treinamento e foco na classificação que a AGE busca fazer história.

“O pensamento positivo é extremamente importante. Somos uma família e o grupo está fechado. Apesar dos percalços no caminho, conseguimos acertar, encontramos um jeito de jogar e agora estamos a poucos minutos do acesso a Série Ouro. Peço um voto de confiança aos torcedores. Lotem o ginásio Scalabrini e apoiem esses guerreiros. Precisamos demais da força das arquibancadas”, disse Edson Vidmar, diretor de esportes.

A primeira partida entre AGE e Passo Fundo está marcada para o domingo, dia 11, às 19h, no ginásio do Colégio Scalabrini. Para o clássico, a diretoria prepara uma grande festa. A expectativa é de casa cheia. Para que ninguém fique de fora, ingressos antecipados – primeiro lote - ao valor de R$ 15,00 estão sendo comercializados no Sardela’s Bar, Schock Esporte, Café América, IMVIS e GuapoFest. Há possibilidade da compra nas agências do Sicredi (Centro e Planalto) com 20% de desconto para associados. Após a comercialização do lote, o valor passará para R$ 20,00.

Apoiadores

A AGE conta com o patrocínio da Prefeitura de Guaporé, Sicredi, Diamaju, King Bowling Bar, Centro Médico, Leo Joias, Art Ello, Ramona, Donna D’Oro, AS Turismo e Academia Attività. Outras empresas estão aderindo ao projeto que busca o acesso à Liga Gaúcha de Futsal (Série Ouro) – Temporada 2019.

Fonte: Assessoria AGE

Mais Notícias

    Aguarde, buscando...